Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

RS: casal é condenado a mais de 40 anos de prisão por torturar filhas

RS: casal é condenado a mais de 40 anos de prisão por torturar filhas
23/08/2012 07:00 - terra


Um casal foi condenado a mais de 40 anos de prisão em Vacaria, no Rio Grande do Sul, por estuprar e torturar as filhas da mulher. O padrasto recebeu pena de 48 anos e cinco meses enquanto a mãe das meninas terá 46 anos e cinco meses de reclusão.

Segundo o delegado Anderson Silveira de Lima, o padrasto, 35 anos, abusava das meninas com o apoio e consentimento da mãe, 45 anos, no interior da casa onde residiam, desde que as meninas tinham por volta de cinco anos de idade. Atualmente elas têm 16 e 18 anos. Elas eram ameaçadas e agredidas com um rabo de tatu e uma correia de trator para não denunciar os abusos sofridos.

O casal foi preso por agentes da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente da cidade no dia 18 de abril. Eles estavam na Capela Passo do Carro, em Monte Alegre dos Campos, quando a polícia cercou o local.

A sentença condenatória ainda cabe recurso ao Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul.

Felpuda


Malfeitos que teriam sido praticados em tempos não tão remotos podem ser a pedra no caminho de pré-candidatura que está sendo costurada. As conversas ainda estão nas “ondas da rádio-peão”, mas, com a proximidade da campanha eleitoral, há quem diga que isso se tornará uma tremenda dor de cabeça para quem vai enfrentar as urnas. Pior:  o dito não seria culpado direto, mas sim a sua...  Bem, deixa rolar para ver onde vai parar.