Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 14 de novembro de 2018

FAVORISTIMO

Ronaldinho marca; Atlético-MG goleia Náutico por 5 a 1

23 JUN 2012Por TERRA22h:32

Em partida realizada no Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG), o Atlético-MG confirmou seu favoritismo e derrotou neste sábado o Náutico, por 5 a 1, em partida válida pela sexta-rodada da Série A do Campeonato Brasileiro 2012. O gols da equipe foram marcados por Bernard, Ronaldinho, Danilinho (dois) e Escudero. Araújo descontou para o Goiás.

A equipe do técnico Cuca chega, assim, a 13 pontos no torneio nacional e assume a segunda colocação do Brasileiro, levando vantagem no saldo de gols sobre o Vasco (também com 13 pontos). Com a goleada deste sábado, o Atlético chega a seis gols de saldo, contra três do time carioca. O Náutico, com sete pontos, é décimo colocado.

Favorito contra o Náutico, o Atlético-MG começou a partida pressionando o rival pernambucano e conseguiu o primeiro gol logo no primeiro ataque da partida. Aos 2min, o atacante Jô fez boa jogada no ataque, tocou para Bernard chutar rasteiro e abrir o placar.

O Atlético, que havia marcado apenas um ponto nas últimas duas partidas, parecia que iria deslanchar logo de cara, mas um erro do goleiro Giovanni, que falhou ao afastar um cruzamento, permitiu o empate ao Náutico já aos 12min do primeiro tempo. Araújo marcou.

Pouco tempo depois, porém, o Atlético-MG retomou o controle da partida. Aos 33min, quando o Atlético pressionava pelo segundo gol, Jô foi derrubado pelo zagueiro Ronaldo Alves, infração que resultou em penalidade máxima marcada pelo árbitro Raphael Claus.

Ronaldinho, que fazia partida discreta, cobrou e recolocou sua equipe em vantagem. Com um gol de frente, o time mineiro se soltou na partida e não demorou a conseguir o terceiro.

Apenas um minuto depois, o volante Serginho abriu o jogo na direita para Danilinho, que mandou para a área. A bola ainda bateu em Márcio Rosário antes de entrar no gol.

O terceiro gol saiu ainda no primeiro tempo, ma praticamente definiu a partida em favor do clube mineiro. O Náutico, apesar da situação adversa, pouco fez para mudar o panorama. Foi o Atlético, pelo contrário, que teve as melhores chances no segundo tempo.

Aos 7min, depois de cobrança de Ronaldinho, Leonardo Silva, de cabeça, acertou o travessão do goleiro Felipe. O meia gaúcho, com cruzamentos precisos, era o destaque da partida.

Passados 14 minutos, Danilinho chutou cruzado e anotou o quarto dos mineiros, que a partir de então só tiveram que administrar a confortável vantagem. Escudero ainda fez o quinto, aos 45min do segundo tempo.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também