Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

BEE GEES

Robin Gibb teria pago homem para matar advogados da ex

5 SET 12 - 00h:00terra

Documentos recém-liberados revelaram que Robin Gibb - que faleceu no último mês de maio, aos 62 anos - teria contratado um assassino para matar os advogados da primeira mulher, Molly Hullis. Supostas ameaças despertaram a atenção do FBI, que abriu investigação sobre o músico.

Os documentos mostraram que o cantor enviava mensagens de sua casa em Miami para os advogados Haymon e Walters, em Londres. "O que vocês têm feito já passou dos limites. Já estou providenciando um contrato. Agora é questão de tempo", dizia uma delas.

A empresa de advocacia denunciou Robin após receber "inúmeros telegramas com ameaças de morte", relatou o órgão. Arquivos liberados sob o Freedom of Information Act (Ato de Liberdade de Informação, em tradução livre) mostram evidências de que os profissionais trabalharam nas acusações sem causar alarde, já que a voz por trás do hit Staying Alive estava no auge de sua fama na época.

A defesa de Robin declarou que ele "não seria tolo o suficiente para realizar qualquer ameaça, principalmente por saber que isso poderia arruinar sua carreira". O assunto foi abandonado, e o arquivo fechado em março de 1981, já que Molly e os advogados não quiseram prestar queixa.
Mãe dos dois filhos de Robin, Molly casou-se com ele em 1968. Os dois se divorciaram em 1980.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

SEMANA SANTA

Papa Francisco lava pés de brasileiro e outros 11 presos

Decisão de Toffoli libera Lula <br>para conceder entrevista
LIMINAR PERDEU EFEITO

Decisão de Toffoli libera Lula
para conceder entrevista

MINISTRO DO SUPREMO

Moraes revoga decisão que mandou site retirar notícia do ar

Feriado deve ter predomínio de calor <br>e baixa umidade do ar em MS
METEOROLOGIA

Feriado deve ter predomínio de calor e umidade baixa

Mais Lidas