Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ESTRELAS

Roberto Carlos estreia hoje no Corinthians

Roberto Carlos estreia hoje no Corinthians
20/01/2010 04:15 -


O Corinthians terá dois importantes reforços hoje, às 20h50min (MS), no Pacaembu, diante do Bragantino, para tentar vencer sua primeira partida no Campeonato Paulista de 2010: Roberto Carlos e Ronaldo Fenômeno. O lateral esquerdo, principal contratação da direção para o ano do centenário, prometeu mostrar que, mesmo aos 36 anos, ainda tem muito futebol para mostrar. Além dos dois reforços, o técnico Mano Menezes confirmou que fará outras alterações em relação à equipe que empatou na estreia da competição, domingo, diante do Monte Azul, em Ribeirão Preto. Jucilei, que jogou os 90 minutos no amistoso contra o Huracán, deve ganhar um descanso, sendo substituído por Elias, dono da posição. Outro “motorzinho” do grupo, o meia-atacante Jorge Henrique, está cotado para ocupar a vaga de Morais e dividir a responsabilidade de armar o time com Tcheco. Bragantino Depois de estrear goleando o Oeste por 4 a 0 na Arena Barueri, o técnico Marcelo Veiga deverá repetir a mesma escalação no “Massa Bruta” para o confronto contra o Corinthians. E acredita ser possível surpreender Ronaldo, Roberto Carlos e companhia em pleno Pacaembu. “Respeitamos o Corinthians, mas temos uma boa equipe e vamos fazer de tudo para tentar surpreender nosso adversário”, avisou o ex-lateral esquerdo, ciente das dificuldades que sua equipe terá diante de um Pacaembu lotado e motivado pelas presenças de Ronaldo e Roberto Carlos.

Felpuda


A continuar disparando tantas críticas ácidas contradizendo o seu partido, que em nível nacional ganhou até um ministério, político cá dessas bandas poderá ser colocado de escanteio e, se continuar nessa cruzada nada palatável para as lideranças, ser convidado gentilmente a “procurar o caminhão do qual caiu”, como se diz no popular. Os comentários são de que o dito-cujo age assim mais para ganhar holofotes. Esqueceu-se, pelo que se vê, que poderá ocorrer curto-circuito. Ui!