Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

Saúde

Risco de câncer de mama é maior nas mulheres fumantes

25 JAN 2011Por Veja21h:32

O cigarro não faz mal apenas aos pulmões. Uma pesquisa recente aponta que o vício pode aumentar o risco de uma mulher desenvolver câncer de mama, principalmente se ela começa a fumar antes da primeira gravidez.

Se o vício tem início depois da primeira gestação, mas antes da menopausa, o risco é de 4%. Esse índice sobe para 18% se a mulher começa a fumar antes de dar à luz o primeiro filho. Contudo, o perigo é ainda maior se a paciente fuma mais de um maço por dia (uma média de 25 cigarros), começou a vício antes dos 17 anos e já fuma há mais de 20 anos. O estudo, publicado no periódico Archives of Internal Medicine, foi conduzido por uma equipe da Universidade de Harvard.

Já as mulheres que começam a fuma depois da menopausa, aparentemente, têm uma diminuição nos riscos de desenvolver câncer de mama, quando comparadas àquelas que não fumam. Considerando que tanto a menopausa quanto o fumo diminuem os níveis de estrogênio no organismo, os resultados da pesquisa reafirmam teorias antigas de que o estrogênio tem uma ligação direta com o aparecimento de câncer de mama invasivo.

 

Leia Também