terça, 17 de julho de 2018

HANSENÍASE

Rio Verde realizará palestras sobre como prevenir e tratar a doença

23 JAN 2011Por ROBERTO COSTA11h:22

Para combater e prevenir a hanseníase, a Vigilância Epidemiológica, da Secretaria da Saúde de Rio Verde de Mato Grosso-MS, prepara várias atividades para no dia 26 de janeiro de 2011, realizar um Dia de Combate à doença com entrevistas nos meios de comunicações e palestras em Escolas e Postos de Saúde do município.

Segundo a enfermeira Cristiane da Secretaria Municipal de Saúde de Rio Verde de Mato Grosso, que estará coordenando as atividades no dia de Combate à Hanseníase, os sinais característicos da doença são manchas sem sensibilidade na pele.

“Atualmente o tratamento pode durar de 6 meses a 2 anos, dependendo da gravidade da doença. “Por isso é importante prevenir e combater a doença logo no início”, alerta a secretária municipal de Saúde de Rio Verde, Conceição Vaz da Silva.

As palestras abordarão das causas às conseqüências da doença, que, segundo Cristiane, possui tratamento em todos os casos. “Porém as formas mais graves podem deixar seqüelas nos pacientes, como perda da visão, dificuldades nos movimentos e deformidades no nariz”, ressalta.

Para a secretária Conceição Vaz, os agentes comunitários de saúde do município são pessoas envolvidas na divulgação dos sintomas da doença. Além de auxiliarem na identificação de suspeitos de terem a doença. “Eles (os agentes de saúde) criam vínculo com a população e são pontos de referência nas comunidades onde atuam”, explica.

Com informações da Assessoria de Imprensa

 

Leia Também