Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

Rio Uruguia ameaça região oeste do RS

13 SET 2009Por 16h:48
     

        Da redação

        Municípios da Fronteira Oeste seguem na expectativa de que o Rio Uruguai vá atingir moradores em breve. As águas seguem subindo, mas o ritmo de elevação é considerado mais lento.
        Em São Borja, a última medição feita foi de 8m76cm acima do nível normal. Ontem, às 18h, estava em 8m32cm. Residências costumam ser atingidas a partir dos 9m além da normalidade, mas o coordenador da Defesa Civil, José Ênio Abreu Jesus, não acredita na possibilidade de que essa medida seja alcançada ainda hoje.
        "Com os alagamentos, as águas se espalham e o ritmo de elevação diminui. Mas pelo que já constatamos, pode chegar até 11m acima do normal", explica.
        Em Uruguaiana, às 6h, o Rio Uruguai estava 6m68cm acima do normal. Com 7m60cm é que os alagamentos devem atingir famílias ribeirinhas. Como em São Borja, a Defesa Civil já não aposta que as águas cheguem às residências hoje. (informações do jornal Zero Hora)

        
         

Leia Também