Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

sexta, 22 de fevereiro de 2019 - 15h43min

Reunião na Inglaterra pode confirmar o retorno de Robinho ao Santos

26 JAN 10 - 07h:54
A volta de Robinho para o Santos depende apenas de uma reunião, que será amanhã, entre dirigentes do Peixe e do Manchester City, antes do jogo entre City e Manchester United, pela Copa da Liga Inglesa. Já existe um acordo entre o jogador e o clube. A diretoria do City também já manifestou aos santistas, por e-mail, sua disposição de emprestar o jogador, que não vem sendo muito aproveitado pelo técnico Roberto Mancini. Já estão em Manchester Armênio Neto e Eduardo Musa, que trabalham na gerência de marketing do Peixe. Nesta terça-feira, chegam à cidade inglesa o vice-presidente santista, Odílio Rodrigues Filho, e mais um dirigente do Departamento Jurídico do clube brasileiro. A ida dos dois diretores indica que as primeiras conversas dos representantes do marketing foram proveitosas. A conversa de amanhã, na expectativa de Armênio Neto, deverá selar a volta de Robinho à Vila. Ele explica que os interesses das três partes são convergentes. Falta, porém, acertar alguns detalhes entre os clubes e colocar no papel tudo o que foi colocado nas conversas preliminares. O Manchester City aceita emprestar o atacante por seis meses, mas a diretoria santista vai tentar a liberação do jogador até dezembro. Parte dos salários será paga em ações de marketing. Elas serão divulgadas após o anúncio oficial da contratação.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Copa na Capital reúne 200 pilotos  por prêmio de R$ 10 mil
VELOCROSS

Copa na Capital reúne 200 pilotos por prêmio de R$ 10 mil

URGENTE: Circo pega fogo no Jardim Los Angeles
CAMPO GRANDE

URGENTE: Circo pega fogo no Jardim Los Angeles

Recursos para financiamentos terão aporte de R$ 791 milhões
CRÉDITO RURAL

Recursos para financiamentos terão aporte de R$ 791 milhões

Prefeitura lança o 'Big Brother' da saúde e UPAs serão monitoradas por 24 horas
CAMPO GRANDE

'Big Brother' da saúde vai monitorar UPAs por 24 horas

Mais Lidas