sexta, 20 de julho de 2018

Reunião na Fundesporte define logística para o Mundial de Motocross

9 AGO 2010Por 21h:30
     

O presidente da Fundesporte, Julio Komiyama, participou hoje (09) da reunião técnica para definir a organização do trânsito na etapa do Mundial de Motocross na Capital.

A Polícia Militar, Ciptran, Bombeiros, Polícia Rodoviária Estadual, Funesp e membros da organização do campeonato discutiram as estratégias a serem usadas para possibilitar o melhor acesso do público ao evento.

O Campeonato Mundial de Motocross é o mais espetacular, atraente e competitivo do mundo. Além de batalhas emocionantes, as provas promovem imagens fantásticas, uma vez que a pista de Campo Grande será a melhor pista do mundo para a competição.

Os brasileiros são fãs de moto e poderão presenciar disputas dos melhores pilotos de motocross do mundo em terras Pantaneiras. A Fundesporte espera para o evento cerca de 50 mil pessoas, dessas aproximadamente 12 mil vindas de outros países.

Segundo Komiyama, esta reunião técnica é de grande importância. "Temos que deixar afinada a conversa com os órgão competentes, que vão apoiar o evento para não deixar ninguém perdido. Nesta reunião decidimos lugares de estacionamento, entrada e saída de ambulâncias, o melhor acesso do público e coisas afins", comenta Komiyama.

A Federação de Motociclismo de Mato grosso do Sul já esta fazendo um levantamento das chácaras, casas, pátios de empresas e áreas à disposição para serem utilizadas como estacionamento. Aos moradores interessados em fazer de sua propriedade estacionamento para o mundial a direção da prova pede para entrarem em contato pelo número (21) 8420-6362.

Outra reunião está marcada para esta quinta-feira dia (12), às 8h, na sede da Fundesporte. O GP Brasil será realizado na Capital nos dias 21 e 22 de agosto de 2010. A etapa brasileira será a antepenúltima do Campeonato Mundial de Motocross deste ano e poderá decidir os campeões da competição por antecipação. As disputas vão acontecer nas categorias MX1 e MX2.

                O evento conta com o apoio do Estado de Mato Grosso do Sul através da Fundesporte com recursos do FIE.

Leia Também