sábado, 21 de julho de 2018

Relator aceita denúncia contra Azeredo

5 NOV 2009Por 07h:50
     

 

 

Atendendo a pedido do ministro Joaquim Barbosa, o Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu o julgamento em que a Corte analisava se aceitaria ou não denúncia contra o senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG) por participação no esquema do mensalão mineiro. O julgamento deve ser retomado amanhã. Apesar de não ter concluído seu voto, Barbosa, relator do caso, explicou, durante a sessão plenária, que o mensalão mineiro realmente existiu e foi planejado "com antecedência" pelo parlamentar. Ele disse ainda haver fortes indícios de que o senador praticou o crime de peculato (desvio de dinheiro ou bem público por agente público em função do cargo que ocupa) e ainda irá analisar, em outra sessão, as acusações de lavagem de dinheiro contra o político.

Leia Também