Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, segunda, 19 de novembro de 2018

CPI DA DELTA

Rejeitado pedido para ouvir Cachoeira

3 JUL 2012Por g114h:43

A CPI da Delta, realizada na Assembleia Legislativa de Goiás, em Goiânia, rejeitou, na manhã desta terça-feira (3), a convocação do contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira. Também foram rejeitos, por 3 votos a 2, os requerimentos para ouvir o governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), e o jornalista Luiz Carlos Bordoni.

Votaram contra os requimentos apresentados pelos deputados Mauro Ruben (PT) e Daniel Vilela (PMDB) os três integrantes da base governista que compõem a CPI: o relator Talles Barreto (PTB), o líder do PSDB na Casa, Túlio Isac, e o presidente da comissão Helio de Sousa (DEM). Segundo os deputados governistas, Cachoeira deverá ser ouvido em outro momento.

Sobre a rejeição do convite a Perillo para depor, o presidente Helio de Sousa justificou: "Enquanto a CPMI [em Brasília] e a CPI [em Goiás] não desencarnarem do Marconi nós não vamos nos lembrar da Delta, que é o verdadeiro dessa comissão". A CPI goiana foi criada para investigar o possível envolvimento de autoridades e políticos com a contravenção e o crime organizado, e, ainda, a atuação das empresas Delta e Gerplan no estado.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também