quarta, 18 de julho de 2018

Reduções de IPI implicam renúncia fiscal de R$ 261 mi

18 ABR 2009Por 18h:30
     

        As reduções de IPI (Imposto de Produtos Industrializados) para a linha branca --geladeiras, fogões, máquinas de lavar e tanquinhos-- e para mais seis materiais de construção implicam renúncia fiscal de R$ 261 milhões pelo governo federal. Apesar disso, o ministro Guido Mantega (Fazenda) afirmou que desta vez não haverá aumento de outro tributo como forma de compensação.

         

        "Não vai haver porque, ao reduzir o IPI, vamos vender mais e outros impostos farão a arrecadação aumentar", explicou. As reduções têm como objetivo estimular as vendas e dar suporte à cadeia produtiva.

         

        Quando foi anunciada a primeira redução de IPI para materiais de construção e motocicletas, o governo informou o reajuste dos impostos sobre os cigarros. Mantega destacou ainda que naquela ocasião, também houve reduções no PIS/Cofins e que, por lei, não pode ter redução de alíquota sem uma contrapartida.

         

        (Com Informações da Folha Online)
        

Leia Também