segunda, 23 de julho de 2018

Receita realiza operação Leão Expresso V para coibir contrabando

8 JUL 2010Por 18h:00
     

A Receita federal realizou no dia de hoje, a operação Leão Expresso V, com a finalidade de identificar e combater o comércio de mercadorias importadas de forma irregular e encaminhadas por intermédio de encomendas expressas domésticas pelos correios.

A operação foi desencadeada em 25 cidades brasileiras com a participação de 120 servidores do órgão.

Os remetentes e os destinatários das mercadorias estrangeiras com indícios de práticas de contrabando e descaminho serão intimados a apresentar os documentos comprobatórios da regular importação no País.

Em caso de não comprovação, os envolvidos serão autuados, sendo aplicada a pena de perda para as respectivas mercadorias e encaminhadas as representações para fins penais no Ministério Público Federal para abertura de processo criminal por contrabando ou descaminho.

A Receita Federal do Brasil alerta que o contrabando e o descaminho é crime tipificado no artigo 334, do Código Penal, punido com reclusão de 01 (um) a 04 (quatro) anos. Incorre na mesma pena quem adquire, recebe ou oculta, em proveito próprio ou alheio, no exercício de atividade comercial ou industrial, mercadoria de procedência estrangeira, desacompanhada de documentação legal, ou acompanhada de documentos que sabe serem falsos.

Os produtos estrangeiros apreendidas pela Receita Federal serão destinadas a incorporação, doação ou leilões.

Leia Também