Campo Grande - MS, quarta, 15 de agosto de 2018

INCÊNDIO EM ALOJAMENTOS

Rebelião teria começado após briga na obra

25 MAR 2011Por DA REDAÇÃO COM INFORMAÇÕES DA 90 FM DE RIBAS DO RIO PARDO10h:39

Funcionários da obra da Usina Hidrelétrica São Domingos, município de Água Clara, rebelaram-se na tarde de ontem, colocando fogo nos alojamentos e escritórios da Eletrosul, responsável pelo empreendimento. Policiais militares de Água Clara foram acionados por volta das 15h30min para conter os rebeldes. Com reforço do pelotão de Rondas Ostensivas e Táticas do Interior (Rotai) de Três Lagoas e das polícias Civil e Militar de Ribas do Rio Pardo, as duas viaturas da PM de Água Clara partiram no fim da tarde para o local.
Ônibus com militares da Companhia Independente de Gerenciamento de Crises e Operações Especiais (Cigcoe) de Campo Grande também foram para o local. A usina fica a cerca de 80 quilômetros de Água Clara por estrada não pavimentada.
Balas de borracha e bombas de efeito moral foram utilizadas para conter a confusão. Ambulâncias também foram enviadas, mas não houve feridos. Alojamentos, refeitório, lavanderia, escritórios e o vertedouro foram incendiados pelos trabalhadores. Carros foram apedrejados e alguns trabalhadores revoltados até capotaram um veículo.

Segundo informações do site da 90,7 FM de Ribas de Rio Pardo, a confusão teria começado por volta das 13 horas após briga entre um segurança da obra e um trabalhador. Segundo fontes, um homem embriagado brigou com o segurança, que por sua vez revidou e o agrediu. Os trabalhadores ficaram revoltados e começaram o incêndio. Segundo o Gerente de Saúde, Qualidade e Segurança da obra, Fernando Cavalcante, a situação só não ficou pior devido a Ronda Policial de rotina que a PM de Água Clara, no comando do Tenente Gildo, realizava no momento do tumulto.

De acordo com Fernando Cavalcante, todos os funcionários foram retirados do local e serão encaminhados para alojamentos em Água Clara, Ribas do Rio Pardo e Três Lagoas.

Equipes da CIGCOE e Rotai permaneceram em Água Clara e Rio Pardo, respectivamente, para dar suporte na segurança. Não há previsão para o retorno dos trabalhos e nem o valor estimado do prejuízo que o incêndio causou. Cerca de mil pessoas trabalham no local. Há trabalhadores de vários Estados do Brasil, como Piauí, Pernambuco e Maranhão.

A Usina São Domingos está sendo construída desde julho do ano passado no rio de mesmo nome afluente do Rio Verde. A obra, orçada em R$ 200 milhões, tem previsão para de ser concluída em 2012, gerando 48 megawatts de energia.

Leia Também