Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

CAMPO GRANDE

Rapaz que matou segurança vai responder por lesão corporal seguida de morte

19 MAR 2011Por da redação17h:00

Cristhiano Luna de Almeida que agrediu e matou o segurança, Jeferson Bruno Gomes Escobar, 23 anos, vai responder por lesão corporal seguida de morte. Testemunhas que estavam no bar, que fica na Afonso Pena, na Capital, disseram à polícia que Cristhiano estava bêbado e havia se envolvido em uma briga, por isso os seguranças tentavam tirá-lo do estabelecimento.
No momento em que era retirado do local, o rapaz deu um golpe no peito de Jeferson. O segurança passou mal e morreu no bar antes de ser socorrido. Depois da briga, Cristhiano fugiu, mas foi localizado pela polícia e preso em sua residência no Bairro Chácara Cachoeira.
Ele foi encaminhado à Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário, onde teve lavrada a prisão em flagrante. De acordo com o delegado João Eduardo Davanço, que interrogou Cristhiano, o jovem irá responder por lesão corporal seguida de morte. De acordo com a Polícia, Cristhiano já tinha passagem por lesão corporal. Ele é bacharel em Direito.

Leia Também