Quinta, 22 de Fevereiro de 2018

desafio do PT

Racha no PT pode refletir nas eleições de 2012

15 NOV 2010Por adilson trindade02h:10

O maior desafio do PT, depois das eleições deste ano, é se reagrupar para tentar, mais uma vez, acabar com a hegemonia do PMDB em Campo Grande. Os próprios líderes petistas estão convencidos da dificuldade de juntar o senador Delcídio do Amaral e o ex-governador José Orcírio dos Santos. Um não gosta do outro. Este racha enfraquece o PT e torna mais fácil o projeto do PMDB de permanecer no controle do mais importante município de Mato Grosso do Sul.

O PT passou a enfrentar aguda crise interna desde as eleições de 2006, quando o senador Delcídio do Amaral acusou o então governador José Orcírio de abandoná-lo na campanha eleitoral. Sozinho, Delcídio acabou perdendo as eleições para o então prefeito de Campo Grande, André Puccinelli (PMDB). Em 2010, Delcídio deu o troco e ficou distante de José Orcírio na grande parte da campanha eleitoral.

Para as eleições de 2012, as lideranças não esperam a reconciliação de Delcídio e José Orcírio. Mas não querem o problema dos dois refletindo na campanha eleitoral. (AT)

Leia Também