Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

Puccinelli diz que PT vai ficar comendo poeira atrás dele

9 OUT 2009Por 23h:30
     

        Karine Cortez

         

O governador André Puccinelli (PMDB) disse que se consolidar a aliança PMDB e PT nacional, não conseguirão colocar uma mordaça em sua boca. "Se isso acontecer, não vão colocar um buçal (cabresto usado em cavalo) na minha boca e vou continuar falando do PT local", declarou. Ele disse ainda que o "PT local" está caminhando no rastro dele e não vai alcançá-lo. "Eles vão ficar é comendo poeira atrás de mim", frisou. A declaração foi dada durante solenidade, ontem, na TV Brasil Pantanal.

        O pré-candidato petista e ex-governador José Orcírio dos Santos já disse que Puccinelli está com medo de enfrentá-lo e por isso fica inventando coisas. "To enjoado dessas besteiras que o André fala. Ele tem é que definir a vida dele, porque até agora não fez nada", criticou Orcírio. Ele disse ainda que o plano de desenvolvimento no valor de R$ 3 bilhões, denominado MS Forte, lançado pelo Governo do Estado, não passa de factóide. "O André tem é que parar de ficar criando factóide como criou no lançamento do tal plano de desenvolvimento", frisou.

Leia Também