Campo Grande - MS, domingo, 19 de agosto de 2018

CÂMARA

PT não aplica pena perpétua, diz líder

9 MAI 2011Por FOLHA ONLINE09h:18

O líder do PT na Câmara, Paulo Teixeira (SP), afirmou que o partido agiu bem ao expulsar Delúbio Soares em 2005.

O ex-tesoureiro é réu no processo que investiga o escândalo do mensalão.

Segundo Teixeira, "não há uma pena perpétua" para alguém que sempre manteve vínculo com o PT e "percebeu que partido tem um padrão e não admitirá erros".

O retorno de Delúbio ao Diretório Nacional do PT foi aprovado no final de abril. Na ocasião, ele obteve 60 votos favoráveis e 15 contrários, além de duas abstenções.

No vídeo acima, o petista também fala sobre legalização da maconha e sobre a morte do terrorista Osama bin Laden.

As declarações foram dadas ao jornalista Kennedy Alencar no programa "É Notícia" (RedeTV!), exibido na madrugada desta segunda-feira.

Leia Também