quinta, 19 de julho de 2018

PT de Bonito se rebela e não vai acatar ordem da direção nacional

14 JUL 2008Por 23h:39
     

Lidiane Kober

 

O PT de Bonito se rebelou e não vai acatar a determinação da Secretaria Nacional de Coordenação Política, que invalidou a aliança com o PMDB no município. Enquanto isso, em Aquidauana os dirigentes do partido já decidiram abrir mão da coligação com os peemedebistas e vão entrar na disputa só com chapa proporcional.

"O PT vai estar na coligação do PMDB, inclusive já estamos fazendo campanha", declarou o secretário de coordenação política da sigla no município, Gesiel Moreira. Ele revelou que os dirigentes do partido têm uma carta na manga para derrubar a determinação nacional. "Existe um grande equívoco no recurso que foi apresentado ao diretório nacional", afirmou, sem dar os detalhes do suposto deslize.

Já em Aquiadauna, os petistas estão mais cautelosos, por isso, optaram em seguir a ordem nacional. Eles argumentam que é difícil derrubar uma determinação da esfera superior do partido. Além disso, temem manobras de lideranças estaduais, visando destituir a direção do partido no município.

Leia Também