Campo Grande - MS, domingo, 19 de agosto de 2018

ESCÂNDALO

PSDB quer processo de impeachment de prefeito e vice de Campinas

20 MAI 2011Por DA REDAÇÃO09h:59

O vereador Arthur Orsi (PSDB), representando o partido, irá nesta sexta-feira ao Ministério Público recolher documentos para entrar com um pedido de impeachment na Câmara Municipal de Campinas contra o prefeito Hélio de Oliveira Santos (PDT) e o vice-prefeito Demétrio Vilagra

'O Hélio não tem condições morais de continuar governando a cidade', afirmou Orsi. Ainda de acordo com o vereador, não há como dissociar a imagem do prefeito dos secretários, já que eles compõem o núcleo duro da Prefeitura e foram escolhidos pelo próprio.

Para Orsi, com toda essa situação (referindo-se às prisões e ao Caso sanasa em si) o prefeito se transformou em um 'fantasma'.

Para que o processo de impeachment seja iniciado é preciso que haja 2/3 da Câmara votando a favor.  

Hélio de Oliveira Santos (PDT) é corumbaense. A suspeita da polícia é de que o ex-prefeito de Corumbá, Ricardo Cândia e o diretor técnico da Sanasa (Sociedade de Água e Saneamento de Campinas)  Aurélio Cance Júnior que já foi vereador em Campo Grande, já presos, estejam envolvidos no "Caso Sanasa". 

Com informações do site da Rede Anhanguera de Comunicação 

Leia Também