Terça, 20 de Fevereiro de 2018

PSDB desconhece manobra para tirar Waldir da Câmara

26 MAI 2008Por 20h:12
     

O PSDB informou desconhecer qualquer articulação do governador André Puccinelli (PMDB) para conduzir o deputado federal Waldir Neves (PSDB) a um secretaria estadual e emplacar o presidente municipal do PMDB de Dourados, Marçal Filho, na vaga do tucano.

"Para nós, nunca houve esta discussão. Isto não passou pela instância partidária", disse hoje o presidente regional do PSDB, deputado estadual Reinaldo Azambuja.

        De acordo com o próprio Marçal, André estuda criar uma secretaria para acomodar Waldir e, assim, aumentar a bancada do PMDB de Mato Grosso do Sul em Brasília. Por ser oposição ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, de quem o PMDB é aliado, Waldir coloca o governador em saia-justa ao criticar o Governo federal. "O que o Waldir me disse é que o Murilo (vice-governador Murilo Zauith) perguntou se ele aceitaria assumir numa secretaria", afirmou Azambuja. Waldir não retornou aos recados deixados em seu celular.

Leia Também