Terça, 20 de Fevereiro de 2018

Haiti

Protestos contra a ONU se espalham no Haiti

19 NOV 2010Por AGÊNCIA ESTADO, PORTO PRÍNCIPE04h:52

Os protestos contra a Organização das Nações Unidas (ONU) se espalharam ontem pela capital do Haiti, Porto Príncipe, com os manifestantes hostilizando os mantenedores da paz e o governo do Haiti, bloqueando ruas e atacando automóveis de estrangeiros. Manifestantes também montaram barricadas em chamas e a polícia disparou gás lacrimogêneo contra eles. Veículos da ONU e de organizações não governamentais estrangeiras foram apedrejados.

Os distúrbios começaram no norte e centro do Haiti no dia 15, por causa dos boatos de que soldados nepaleses da ONU seriam responsáveis pela propagação da epidemia de cólera no país, a qual já matou mais de mil pessoas em um mês. Na quarta-feira, um terceiro manifestante foi morto em meio às manifestações contra as tropas da ONU.

Os atos violentos parecem ter se somado ao ressentimento acumulado por muito tempo por alguns haitianos contra os 12 mil soldados da ONU no país, uma força comandada pelo Brasil. As autoridades da ONU negam qualquer responsabilidade pela epidemia. Segundo a entidade internacional, essa mensagem busca criar um clima de insegurança antes das eleições marcadas para 28 de novembro.

O surto de cólera ultrapassou oficialmente as fronteiras do Haiti na terça-feira, quando a vizinha República Dominicana confirmou o primeiro caso da doença em seu território, de um paciente haitiano de 32 anos. Na quarta-feira, a Flórida (EUA) registrou o primeiro caso de cólera vinculado ao surto em andamento no Haiti.

Trabalhadores humanitários notaram que os distúrbios têm interferido nos esforços para o combate do cólera, que já levou mais de 16.700 pessoas ao hospital. A ONU cancelou voos que levavam sabão, equipes médicas e funcionários para Cap-Haitien, no norte do país, por causa da violência. O grupo humanitário Oxfam suspendeu projetos de purificação da água com cloro e a Organização Mundial de Saúde (OMS) paralisou um treinamento de pessoal médico.

Leia Também