Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 12 de dezembro de 2018

SEGURANÇA

Pronasci vai beneficiar municípios fronteiriços

1 MAI 2011Por da redação00h:01

O Ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, anunciou na sexta-feira (29), durante o lançamento do Gabinete de Gestão Integrada de Fronteira (GGI-F), que a próxima etapa do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci) vai beneficiar os municípios fronteiriços do País. "Nos próximos dias vamos soltar um edital que vai falar dos programas do Pronasci e as cidades de fronteira terão uma preferência no recebimento destes programas, justamente porque nós sabemos que esta questão de fronteira é chave", disse Cardozo.

O ministro afirmou ainda que as cidades integrantes do GGI-F Corumbá/Ladário devem ser diretamente beneficiadas pelo Pronasci. "São programas que vão possibilitar o vídeo monitoramento e outras ações que são muito importantes para o combate a criminalidade", reforçou. Neste sentido, o prefeito de Corumbá, Ruiter Cunha de Oliveira (PT) entregou pessoalmente ao Ministro da Justiça o projeto Cidade Eletrônica. Já protocolado junto ao ministério, o projeto prevê a implantação de monitoramento eletrônico em diversos locais públicos da cidade.

Os equipamentos seriam utilizados conjuntamente pelo Município, Polícia Militar e outros órgãos da Segurança Pública. Ele está orçado em R$ 2,5 milhões. O documento foi entregue durante a visita de José Eduardo Cardozo ao gabinete do prefeito Ruiter. Aproveitando a oportunidade, o chefe do executivo corumbaense também solicitou a instalação imediata do Núcleo Regional de Fronteira da Comissão Permanente para o Desenvolvimento e a Integração da Faixa de Fronteira (CDIF) no Estado de Mato Grosso do Sul.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também