Sexta, 23 de Fevereiro de 2018

Promotor pode pedir prisão preventiva de pai e madrasta de Isabella

28 ABR 2008Por 08h:30
     

        O inquérito policial sobre a morte da menina Isabella Nardoni deverá ser finalizado até amanhã, quando a polícia deve acusar formalmente o pai de Isabella, Alexandre Nardoni, e a madrasta, Anna Carolina Jatobá, como autores do assassinato. Em seguida, o inquérito seguirá para o promotor Francisco Cembranelli, que oferecerá a denúncia (acusação formal) e pedirá à Justiça a prisão preventiva do casal. Eles foram indiciados por homicídio triplamente qualificado (motivo torpe, uso de meio cruel e sem possibilidade de defesa). Com a reconstituição ocorrida ontem, última peça a ser anexada ao inquérito, a polícia deve mostrar que seria impossível alguém invadir o apartamento, jogar a menina pela janela e sair sem ser visto.

        Com informações do Estadão

Leia Também