Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

CAMPO GRANDE

Projetos ruins, obras malfeitas ou ira divina? Inundações continuam graves

12 JAN 2011Por MILENA CRESTANI00h:02

Até agora, o Governo Federal já liberou 49 milhões de reais (29 milhões na primeira fase, mais 20 milhões na segunda, ainda em execução) e as inundações nos córregos Prosa e Anhanduizinho continuam cada vez mais graves. Nesta última, da semana passada, o nível de destruição foi impressionante e fica a pergunta? Como é que a Prefeitura vai justificar, ao Ministério das Cidades, tantos investimentos para quase nada? Não há, evidentemente, necessidade de questionar-se quem pagará a conta. A resposta é mais do que simples: o povo.

Para quem vê as tragédias de cada inundação, fica sempre o questionamento: o projeto foi mal feito? Ou as obras é que foram executadas de forma incorreta? Há quem fale em ira divina. Mas essa hipótese é a pior possível, porque ira divina seria nunca chover. Perguntar aos moradores de quem é a responsabilidade, a resposta está nas pontas da língua: é a Prefeitura.

Leia mais no jornal Correio do Estado

Leia Também