Campo Grande - MS, terça, 21 de agosto de 2018

CAMPO GRANDE

Projeto Vida no Trânsito será lançado hoje

11 MAI 2011Por da redação00h:01

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MS) e o Gabinete de Gestão Integrada de Trânsito (GGIT) lançam hoje (11), o projeto "Vida no Trânsito", referente à Década da Ação para a Segurança Viária 2011- 2020: "Juntos podemos salvar milhões de vidas".

O evento integra uma ação mundial para a redução de acidentes de trânsito com a participação de diversos países, dentre os quais África do Sul, Austrália, Bangladesh, Brasil, Costa Rica, Estados Unidos, França, Holanda, Índia, Irlanda do Norte, México, Noruega, Omã, Reino Unido, Rússia, Suécia e Tailândia, denominados “Amigos da década” que fazem parte de um grupo de 179 países participantes do Informe Mundial 2009 da Organização Mundial de Saúde.

A abertura oficial será na Cidade do Trânsito, nos altos da avenida Afonso Pena, em Campo Grande, às 9 horas na presença de autoridades estaduais e municipais.

Campo Grande foi a primeira Capital a realizar o planejamento local das ações para reduzir o número de feridos e mortos nas vias urbanas, por meio do GGIT, composto pelo Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul (Detran/MS), Santa Casa, Conselho Estadual de Trânsito (Cetran-MS), Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Agência Municipal de Trânsito (Agetran), Assetur, Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), Polícia Rodoviária Federal e Polícia Rodoviária Estadual.

Participam, também, outros órgãos como SAMU, Secretaria de Estado de Educação (SED), Secretaria de Estado de Saúde (SES), OAB, Ministério Público Estadual, Corpo de Bombeiros, Ciptran, Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria Municipal de Educação, Planurb, SINEP, Conselho Comunitário de Segurança no Trânsito e SEST SENAT.

Cada integrante do GGIT vai participar por meio de ações para reduzir o número de feridos e mortos nas vias urbanas. O Detran-MS vai instalar símbolos na Cidade do Trânsito e produzir botons e camisetas da "Década".

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também