Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, terça, 20 de novembro de 2018

BR-163, 262 e 267

Projeto previa a duplicação de rodovias e o pedágio mais barato

16 AGO 2012Por Gabriel Maymone17h:00

Depois do anúncio feito ontem (15) pelo governo federal do pacote de concessões de rodovias no país à iniciativa privada, incluindo a BR-163, 267 e 262 em Mato Grosso do Sul, o governador André Puccinelli disse hoje (16) que o governo já havia feito um estudo em 2007 para outorga do Estado e que, segundo levantamento, a BR-163 teria o pedágio mais barato do Brasil.

“Pelo nosso projeto, o trecho entre Sonora e Mundo Novo estaria duplicado em dez anos e o pedágio seria R$ 0,50 mais barato em relação ao menor preço registrado no país”, afirma Puccinelli, dizendo ainda que a outorga renderia R$ 400 milhões anuais a MS.

O governador explicou que levou o projeto ao presidente na época, Luiz Inácio Lula da Silva, porém, o pedido foi rejeitado. “O Planalto pediu a diminuição do tempo das obras, mudamos para oito anos, depois pediram a diminuição do preço do pedágio, também alteramos, mas não deu”, lamenta Puccinelli e completa: “Fico satisfeito, essa duplicação é muito importante para o Estado”.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também