Sábado, 17 de Fevereiro de 2018

Projeto de diploma para DJs gera polêmica

5 FEV 2009Por 19h:00
     

 

 

Ao propor a regulamentação da profissão de DJ, o projeto de lei elaborado pelo senador Romeu Tuma (PTB-SP) é motivo de discordância entre os profissionais da área.

Composto por dezenas de artigos, o projeto tem três deles que chamam a atenção e geram controvérsia:

- O exercício da atividade de DJ será condicionado a um registro prévio na Delegacia Regional do Trabalho do Ministério do Trabalho;

- Será determinado ao profissional a apresentação de diploma de curso profissionalizante reconhecido pelo MEC ou pelo sindicato da categoria, além de um atestado de capacitação profissional fornecido pelo sindicato;

- Será prevista a participação de 70% de DJs nacionais quando um evento escalar um DJ estrangeiro.

O projeto já passou pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado. Irá a votação no plenário do Senado; se aprovado, vai para a Câmara dos Deputados. Se aprovado novamente, vai para sanção do presidente.

 

Com informações do Terra

Leia Também