Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Projeto 36 Horas de Esporte movimentou a Capital

29 MAR 10 - 10h:43
O projeto 36 Horas de Esporte levou milhares de pessoas às oito praças esportivas de Campo Grande para competir em 33 modalidades diferentes. A estimativa da Fundação Municipal do Esporte (Funesp) é de que mais de dois mil esportistas participaram do evento. A variedade de modalidades esportivas foi o diferencial do “36 horas de esporte”. Quem foi aos ginásios de esportes e praças da cidade participou de competições tradicionais, como o futebol e o vôlei de praia, e de práticas pouco conhecidas, como badminton e o muay thai. O aumento de modalidades neste ano, em relação ao ano passado, pode ser explicado pela incorporação do 9º Festival de Lutas, que aconteceu no sábado, no Ginásio Guanandizão, ao evento. Mais de 500 esportistas participaram de combates de 11 artes marciais diferentes. O “36 Horas de Esporte” é a continuação de uma iniciativa semelhante, realizada no ano passado: as “24 horas de Esporte”. “Neste ano decidimos ampliar o desafio”, explicou o presidente da Funesp, Carlos Alberto Assis. Além do Guanandizão, as praças Elias Gadia e Belmar Fidalgo, os parques Ayrton Senna, Tarsila do Amaral, Jacques da Luz e Sóter, o Centro Olímpico da Vila Nasser e o autódromo, também receberam atividades.
Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Três pessoas morrem em queda de avião em Belo Horizonte
ACIDENTE AÉREO

Três pessoas morrem em queda de avião em Belo Horizonte

EM RAZÃO DOS PROTESTOS

Voos que sairiam do Brasil para Santiago estão sendo cancelados

Consumidor pode cancelar pacotes sem ônus ou multas
DEMITIDO DO GOVERNO

Marcos Cintra é chamado para reestruturar o PSL

Cintra foi demitido pelo ministro da Economia, Paulo Guedes
Chuva não dá trégua e cerca de parque não foi reparada; animais já andam pela via
TEMPORAL

Chuva não dá trégua e cerca de parque não foi reparada; animais já andam pela via

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião