Domingo, 25 de Fevereiro de 2018

Proibição de fumódromo reforça compromisso com a saúde

14 MAR 2010Por 09h:17
     

        Da redação

         

O projeto aprovado pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado, que proíbe, o uso de cigarros, em todos os recintos coletivos, privados ou públicos do país os chamados fumódromos, reforçou a lei municipal de Campo Grande, que dispõe sobre a proibição do consumo de quaisquer produtos fumígeros, derivados ou não do tabaco, em recintos de uso coletivo, na Capital.

Em Campo Grande, a proposta, que deve ser regulamentada até o final deste mês, pelo prefeito Nelson Trad Filho (PMDB) tem a autoria do presidente Paulo Siufi (PMDB) e dos parlamentares João Rocha (PSDB) e Dr. Jamal Salem (PR).

? Fico feliz em saber que em todo país os fumódromos deixarão de existir. Isso só vem mostrar que estamos no caminhos certo. nós legislamos em favor do povo e por isso temos de preservar a saúde da nossa população, disse Siufi.?

         

Leia Também