Campo Grande - MS, sexta, 17 de agosto de 2018

ROTAS DE TURISMO

Programa vai qualificar 'paradas legais'

24 MAI 2011Por da redação14h:24

Empreendimentos alimentícios localizados ao longo das rodovias do Estado vão receber gratuitamente orientações e qualificação do Governo do Estado por intermédio da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Fundtur-MS). A iniciativa inédita no país conhecida como programa “Parada Legal” foi lançada hoje (24) pelo governador André Puccinelli e pela diretora-presidente da Fundtur, Nilde Brun no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo.

Conforme Nilde Brun, o programa desenvolvido em parceria com o Ministério do Turismo é composto por algumas fases sendo a primeira como a de identificação dos empreendimentos que estão nas rotas prioritárias – Campo Grande, Corumbá e Bonito – e no segundo momento, a de diagnóstico destes estabelecimentos. “Faremos o plano de trabalho que identifica as deficiências daquele empreendimento e é uma ação especifica para cada um. Não é feito em conjunto, mas é um atendimento individual e personalizado onde cada estabelecimento recebe seu diagnóstico e seu plano de trabalho respeitando no projeto suas características”, explicou.

Nilde Brun explica ainda que após o diagnóstico, o empreendimento passa pelo processo de qualificação e de melhoria dos produtos e serviços. O projeto prevê recursos para qualificar e foi montado uma equipe de nutricionista, engenheiro ambiental, administrador, arquiteto e um turismologo para que o projeto tenha abrangência em todas as áreas. “Nesta primeira fase temos 45 empreendimentos que aderiram ao programa e no início do ano já identificamos estes estabelecimentos. Agora no mês de maio a nossa equipe já está na estrada fazendo os diagnósticos e a previsão é que um ano tudo fica pronto”, disse.

Segundo o governador André Puccinelli a finalidade do projeto é mostrar as belezas, vocações e aptidões do Estado. “A Fundtur tem pensado e criado novos mecanismos para que mostremos o Estado ao mundo. A vocação de Mato Grosso do Sul com o Pantanal e Bonito tem muito o que mostrar e a indústria do turismo é a que não polui. Seremos um grande Estado na questão turística com a visita de milhares de pessoas do mundo inteiro e a qualidade é importante no mundo globalizado para que possa ser o destino de escolha”, afirmou.

O projeto também prevê a divulgação destes empreendimentos por meio de site e também de guia impresso que serão distribuídos para empresas que trabalham com turismo. O slogan do programa será “Qualificação, Conforto e Segurança na Estrada”.

A iniciativa também terá parceiros como a Caixa Econômica Federal (CEF) e o Sindicato do Comércio Varejista Combustíveis Automotivos, Lubrificantes e Lojas de Conveniência do Estado de Mato Grosso do Sul (Sinpetro). “Somos parceiro do governo do Estado desde o inicio da idéia deste programa e queremos dar um atendimento diferenciado oferecendo a melhor opção de crédito ao estabelecimento”, afirmou o superintendente da Caixa Econômica Federal, Paulo Antunes de Siqueira. A CEF vai oferecer as diversas linhas de crédito disponíveis que serão direcionadas de acordo com a necessidade do estabelecimento.

Para a empresária do município de Sidrolândia, Lúcia Inês Guerini, o apoio do governo do estado significa segurança. “Teremos mais segurança e vamos reformar e mudar a cara da nossa padaria onde vamos ganhar mais força. É um beneficio grande com esta ajuda do Estado e estamos com muita vontade de começar logo este trabalho”, comentou. A idéia da empresária é mudar a estrutura do estabelecimento e fortalecer o otimizar o atendimento ao público.

Leia Também