Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

VALE-UNIVERSIDADE

Programa Indígena recebe inscrições

Programa Indígena recebe inscrições
09/03/2014 10:58 - Notícias MS


O Programa Vale-Universidade Indígena recebe até o dia 14 de março as inscrições dos candidatos interessados em participar do processo seletivo 2014. O acadêmico deverá realizar sua inscrição por meio do site www.setas.ms.gov.br , onde estão disponíveis a lei, o decreto e a resolução que normatizam o programa. O programa é voltado exclusivamente aos acadêmicos indígenas matriculados em curso de graduação na Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS).

O Governo do Estado do Mato Grosso do Sul operacionaliza o Programa Vale-Universidade Indígena com o objetivo de dar oportunidade para o estudante universitário indígena da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), mediante a concessão de benefício social, ter o contato com o meio profissional enquanto realiza o seu curso, facilitando assim o aprendizado e o relacionamento entre a teoria e a prática.

O programa é facilitador para acadêmicos indígenas de baixa renda que, com o benefício social e a realização das atividades, podem desenvolver sua capacidade profissional com mais possibilidade de se dedicarem aos estudos e aprimorarem a sua formação profissional.

Programa
O benefício social disposto pelo Programa Vale-Universidade Indígena é oferecido em forma de auxílio financeiro e os acadêmicos habilitados no PVUI recebem o benefício social no valor de R$ 300,00 (trezentos reais) mensais e auxílio para transporte até o local de execução das atividades, em doze horas semanais e cumpridas em quatro horas diárias, no valor de R$ 46,00 (quarenta e seis reais) mensais, em órgãos e entidades da administração pública federal, estadual, municipal ou Organizações Não Governamentais (ONG), indicadas pela Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social, por meio da Superintendência de Projetos Especiais, que estabelecerá os demais procedimentos necessários.

Sob a égide da lei nº 3.783, de 16 de novembro de 2009 e do decreto 12.896, de 21 de dezembro de 2009 e resolução Setas nº 130, de 22 de outubro de 2013, que regulamentam o Programa Vale-Universidade Indígena, operacionalizam-se as vagas, cujas inscrições para o Processo Seletivo ocorrem uma vez ao ano, e são realizadas exclusivamente no site www.setas.ms.gov.br , bastando clicar no banner do programa.

Para pleitear o benefício, os interessados devem estar matriculados em curso de bacharelado ou licenciatura nos termos da legislação vigente, lei n° 3.783, de 16 de novembro de 2009; decreto n° 12.896, de 21 de dezembro de 2009 e resolução n° 130, de 22 de outubro de 2013; possuir o Registro Administrativo de Nascimento Indígena - Rani; comprovar renda familiar igual ou inferior a três salários mínimos e residir no Estado de Mato Grosso do Sul há mais de dois anos, além de não possuir outro curso de graduação de nível superior e não ser favorecido por qualquer outro tipo de benefício remunerado ou de auxilio financeiro com a mesma finalidade deste programa. O acadêmico que estiver habilitado no programa deverá ter frequência regular nas aulas de no mínimo 80% e não possuir reprovações. 

Felpuda


As várias e várias mensagens que vêm sendo trocadas em grupos fechados, e para poucos, são de que algumas alianças poderão acontecer, mas mediante a troca de comando em alguns órgãos importantes. Seriam entendimentos para atender siglas de matizes bem diversos que vêm tentando criar dificuldades para vender facilidades. Se as negociações forem concretizadas, tornarão os caminhos sem muitas barreiras. A conferir.