Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

Professores de Dourados podem perder emprego

27 MAR 10 - 04h:17
Pelo menos 300 professores com contrato temporário podem perder o emprego a partir do segundo semestre na Rede Municipal de Ensino em Dourados. Liminar do juiz José Domingues Filho obriga a prefeitura a contratar professores aprovados em concurso público. No município, conforme o Ministério Público Estadual, 1.339 profissionais da educação aguardam convocação. A ação é do próprio MPE, através do promotor Paulo César Zeni, após investigar série de denúncias de professores que foram aprovados em vários concursos e nunca foram chamados para preencher vagas na Rede Municipal de Ensino. Segundo o promotor, essas pessoas estariam se sentindo lesadas pelo fato de que outros colegas foram contratados temporariamente para preenchimento de vagas permanentes, que na prática deveriam ser direcionadas para concursados. De acordo com Paulo Zeni, o Ministério Público empenhou- se numa solução extrajudicial do caso, buscando resolver o problema de forma amigável, mas a Secretaria de Educação não cumpriu os prazos. Segundo consta na ação, a prefeitura ainda insistiu “na prática das contratações irregulares”.
Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

PARCERIA

Governo brasileiro inaugura escritório comercial em Jerusalém

SEM PARTIDO

Bolsonaro diz que sua situação partidária depende do TSE

DESASTRE

Terremoto de magnitude 6,9 atinge o sul das Filipinas e deixa ao menos um morto

Juvêncio deixa legado de obras e serviços na Capital
EX-PREFEITO

Juvêncio deixa legado de obras e serviços na Capital

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião