Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 12 de dezembro de 2018

CRIME

Professor acusado de pedofilia é preso em Dourados

22 MAR 2011Por ANTÔNIO VIEGAS/DOURADOS18h:28

A Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, de Dourados, prendeu hoje, no fim da tarde o professor André Luiz de Oliveira, acusado pela própria esposa por crime de pedofilia. A prisão foi decretada preventivamente pela Justiça local, atendendo pedido da delegada Francielli Candotti, por entender que muita coisa ainda precisa ser apurada e, a liberdade do acusado pode prejudicar as investigações.
O professor de 36 anos de idade, que ministrava aulas de geografia em duas escolas particulares e uma pública, além de dar aulas de cursinhos em várias instituições de ensino, foi denunciado na madrugada de domingo (13/03). A esposa, uma médica veterinária, que já suspeitava do marido, encontrou um pendrive e um computador portátil de propriedade dele, com imagens de garotas nuas, incluindo a enteada de 12 anos.
O material foi entregue à polícia e pelo que foi apurado, as meninas seriam alunas de André Luiz, que ele teria filmado nos momentos em que elas estavam nuas nos banheiros e vestiários das escolas onde ministra aulas. O homem, segundo consta, instalava mini-câmeras nesses locais, para captar as imagens das garotas. Até mesmo de uma prima ele teria feito um vídeo pornográfico.
O professor chegou a ser ouvido e liberado, mas por conta da necessidade de mais investigações e ainda, por informações de que ele estaria ameaçando a denunciante, a delegada achou por bem pedir a prisão. André Luiz foi interrogado e encaminhado à uma das celas do 1º Distrito Policial, onde ficará a disposição da Justiça.
 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também