Domingo, 18 de Fevereiro de 2018

Produtos extrativistas já têm preços mínimos

26 SET 2008Por 08h:00
     

A lista de produtos que fazem parte da Política de Garantia de Preços Mínimos (PGPM) será ampliada com a inclusão de mais quatro produtos extrativistas, que acabam de ter os valores mínimos aprovados pelos ministérios da Agricultura e da Fazenda, e pelo Conselho Monetário Nacional (CMN). Para entrar em vigor, os preços do açaí (R$ 0,61/kg), babaçu (R$ 1,46/kg), borracha natural (R$3,50/kg) e pequi (R$0,21/kg a R$ 0,31/kg), só dependem da sanção do presidente Lula. Os valores terão vigência até 30 de junho de 2009.

Serão beneficiados pela medida trabalhadores extrativistas das regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste. Os estudos foram elaborados pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA). As normas de comercialização, entretanto, ainda serão definidas. O assunto foi alvo, nesta semana, de duas reuniões, em Brasília, entre a estatal, ministérios da Agricultura, do Desenvolvimento Agrário, da Fazendo e do Meio Ambiente.

Leia Também