Campo Grande - MS, terça, 21 de agosto de 2018

ÁREAS ALAGADAS

Produtores terão crédito para retirar bois do Pantanal

16 MAR 2011Por DA REDAÇÃO18h:19

Uma articulação entre o governo do Estado e o Banco do Brasil está garantindo a retomada da Linha de Financiamento Para Aquisição de Animais como uma das medidas de apoio aos produtores pantaneiros. A ação beneficia pecuaristas, com a possibilidade de financiamento para a movimentação de bovinos oriundos das áreas atingidas pelas enchentes no Pantanal.

Esta medida é fruto de parceria entre o Governo do Estado e o Banco do Brasil. Assim como a recuperação de estradas e pontes e a ajuda emergencial a famílias desabrigadas, o auxílio aos produtores é um dos focos de atenção do governador André Puccinelli no enfrentamento às inundações. A retomada da linha de financiamento foi acertada em reunião na terça-feira (15) entre a secretária Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias, da Seprotur, e o superintendente estadual do Banco no Estado, Luiz Alves Pordeus Junior.

Essa disponibilidade de crédito deverá possibilitar a aquisição de bovinos de corte para cria, recria e engorda por produtores de Mato Grosso do Sul, fazendo com que sejam diminuídas as perdas do gado daquela extensa região pantaneira.

O teto por beneficiário é de R$ 200.000,00. A taxa de juros para o financiamento é de 6,75% ao ano, com prazo variando de 2 a 5 anos.

Conforme acordado entre a Seprotur e o BB, os interessados na venda de animais já podem buscar informações detalhadas nas Agências do Banco do Brasil sobre como proceder para se beneficiar da linha de financiamento. O produtor precisará apresentar comprovante de saldo bovino de sua propriedade localizada na região do Pantanal, documento que é emitido pela Agência de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro).

Leia Também