segunda, 23 de julho de 2018

Produtores argentinos ameaçam novos protestos

24 SET 2008Por 20h:30
     

        Os produtores rurais argentinos anunciam um novo round da briga com o governo de Cristina Kirchner. Desde a derrota que o governo sofreu no Congresso, em julho, quando o aumento dos impostos de exportações agrícolas (retenciones) foi derrubado pelo voto do vice-presidente Julio Cobos, a discussão com o setor agropecuário não evoluiu. Depois de uma reunião ontem entre os líderes das entidades rurais e o secretário de Agricultura, Carlos Cheppi, o ultimato foi inevitável: se em uma semana não houver decisões concretas para os problemas dos produtores de gado, leite e trigo, os protestos voltarão. Um novo locaute não está descartado.

        Com informações do Estadão

         

Leia Também