segunda, 16 de julho de 2018

Procurador é suspeito de atentado contra sobrinho na Rua Bahia

3 MAR 2009Por 11h:26
     

 

O procurador de Justiça, Carlos Alberto Zeola, é suspeito de estar envolvido no atentado contra o rapaz que levou um tiro na nuca, na manhã de hoje, na Rua Bahia. O rapaz de 23 anos, Cláudio Zeola, é sobrinho do procurador, que foi levado para a delegacia, onde deve prestar depoimento.

Segundo apurações, o procurador estava no carro com um adolescente de 17 anos, quando foi feito o disparo que atingiu a nuca do rapaz.

Cláudio seguia para a academia de bicicleta, quando foi baleado. O motivo do crime seria passional.

 

Não há informações detalhadas sobre quem teria efetuado o disparo. O procurador disse à polícia que o adolescente que estava com ele era seu segurança e motorista. O veículo em que os dois estavam, um Fiesta Dourado, foi apreendido.

 

Cláudio está na Santa Casa da Capital e respira por aparelhos.

Leia Também