Campo Grande - MS, quarta, 15 de agosto de 2018

MERCADO

Prévia da inflação oficial, IPCA-15 desacelera para 0,6%

23 MAR 2011Por FOLHA ONLINE09h:23

O IPCA-15 (Índice de Preços ao Consumidor Amplo-15) registrou variação de 0,60% em março, com desaceleração ante a taxa contabilizada em fevereiro (0,97%), de acordo com os dados divulgados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta quarta-feira.
Já o IPCA-E (Índice de Preços ao Consumidor Amplo Especial), que mostra o acumulado nos últimos três meses, apresentou variação de 2,35% no primeiro trimestre, acima do resultado do mesmo período de 2010 (2,02%). Considerando os últimos 12 meses, o índice subiu 6,13%.

A redução em março se deveu, principalmente, ao grupo educação, já que o efeito dos reajustes de início do ano ficaram concentrados em fevereiro. O grupo apresentou variação de 1,03%, ante 5,88% anteriormente. Com isso, a taxa dos produtos não alimentícios passou de 1,09% para 0,64%.

Os alimentos também tiveram desaceleração no ritmo de crescimento de preços, indo de 0,57% para 0,46%. As carnes tiveram a contribuição mais significativa para esse movimento, com queda de 2,33%.

Os preços foram coletados pelo IBGE entre 12 de fevereiro e 15 de março e comparados com aqueles vigentes de 15 de janeiro a 11 de fevereiro.

O indicador engloba as famílias com rendimento de 1 a 40 salários mínimos e abrange as regiões metropolitanas de Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte, Recife, São Paulo, Belém, Fortaleza, Salvador e Curitiba, além de Brasília e Goiânia. A metodologia utilizada é a mesma do IPCA.

Leia Também