TRÊS LAGOAS

Preso traficante responsável pelas finanças do PCC

Preso traficante responsável pelas finanças do PCC
24/08/2012 09:00 - VÂNYA SANTOS


N.I.V., de 22 anos, apontado como traficante ligado a facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) foi preso nesta semana por equipe da Delegacia de Investigações Gerais (DIG). Ele foi surpreendido em sua residência, Rua Manoel Bernardino Antonio Leite, Bairro Santa Rita, em Três Lagoas.

De acordo com o delegado da DIG, Rogério Fernandes Makert Farias, havia um mandado de busca e apreensão para ser cumprido na casa onde mora N. e V., ambos suspeitos de envolvimento com o tráfico na cidade. Durante o cumprimento da ordem judicial, V. não estava no imóvel, mas N. tentou enganar os investigadores dizendo que não morava na casa, versão esta que foi desmentida.

A polícia apreendeu no local R$ 5 mil e um livro-caixa contendo anotações sobre os integrantes do PCC e seus respectivos pagamentos mensais. Também foram encontrados comprovantes de depósitos bancários.

A dupla, segundo a polícia, era responsável por repassar a droga a pontos de venda da cidade e pela tesouraria da facção. No local foram encontradas ainda embalagens usadas no preparo do entorpecente, duas trouxinhas de droga, balanças de precisão e vários objetos de origem lícita não comprovada. 

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".