quinta, 19 de julho de 2018

AMAMBAI

Preso do semiaberto é flagrado vendendo crack nas proximidades de escola

3 OUT 2010Por 09h:09

ROBERTO COSTA

Um detento do regime semiaberto do Estabelecimento Penal de Amambai (EPAM) foi preso na tarde de ontem pela Polícia Militar, sob acusação de manter um ponto de venda de drogas, também conhecido por “boca-de-fumo”, nas proximidades de uma escola estadual, em Amambai.

Valdeir Neto, o “Geada”, 40, que reside em Naviraí, cumpre pena de 6,9 anos por tráfico de drogas, em Amambai, após ter sido preso em 2008 pelo DOF (Departamento de Operações de Fronteira), segundo ele próprio, transportando 100 quilos de maconha.

Beneficiado pela progressão do regime fechado para o regime semiaberto, Geada passou a realizar “serviços externos” ao presídio, onde prestava serviço no Cemitério Municipal Santo Antônio, ao lado da Escola Estadual Dr. Fernando Corrêa da Costa. Ao invés de trabalhar corretamente, preferiu montar um ponto de venda de droga, especialmente de crack.

Policiais militares passaram a monitorar os passos do detento e na tarde desse sábado conseguiram efetuar o flagrante.

Com informações da A Gazeta News

Leia Também