Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

ORDEM DAS GRADES

Presidiário comandava quadrilha

9 ABR 2011Por DA REDAÇÃO00h:00

Após a prisão de três quadrilhas que vinham atuando em Campo Grande, a Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos, Defurv,  – identificou um interno do Presídio de Segurança Máxima como o mandante de tais crimes.

De acordo com as investigações, Joel Lopes da Silva, 29 anos, interno, que cumpre pena por roubo e homicídio, foi quem deu a “ordem” para a realização dos crimes, para uma facção criminosa.

Joel, em seu interrogatório, confessou ter coordenado o roubo de uma F-4000 ocorrido em 25 de março, quando foram presos Odair José Duarte Pacheco, Celso Vieira Gonçalves, Lucas de Souza Guimarães e Antônio Carlos Moreira da Conceição.

Ele negou sua participação em outros casos, entretanto, as investigações demonstraram que ele ainda havia coordenado o roubo de uma camionete HILUX e de duas outras camionetes GM S-10, fatos ocorrido também no mês de março, todos estes crimes com os autores já identificados, nos respectivos inquéritos policiais, crimes estes praticados pela mesma quadrilha.

Além de Joel, a investigação aponta para a participação de sua esposa, a qual recebia parte do dinheiro dos roubos e ainda escondeu a arma após a prática do roubo da F-4000, sendo que a ela deverá prestar esclarecimentos na Defurv.

Diante da constatação da participação de um interno do sistema prisional em ações criminosas, a Defurv oficiou para  Secretaria de Justiça e Segurança Pública uma cópia das peças dos inquéritos comprovando a participação de Joel, a fim de que sofresse as sanções administrativas pertinentes ou até mesmo transferência para o Presídio Federal de Campo Grande (MS).

Leia Também