domingo, 22 de julho de 2018

Presidente da Funai nega estar descumprindo acordo feito no Estado

30 SET 2008Por 09h:50
     

 

 

O presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), Márcio Meira, respondeu, nessa segunda-feira (29), a acusações de que não estaria cumprindo acordo firmado com o governo de Mato Grosso do Sul, sobre a realização de estudos antropológicos na região sul do Estado.

Meira reafirmou que o trabalho de antropólogos da Funai está suspenso até a publicação de uma nova instrução normativa pela fundação, assim como o acordado com o governo sul-mato-grossense no último dia 15, ao contrário do que têm afirmado representantes de sindicatos de produtores rurais do estado.

Segundo ele, ?contra-informações? têm sido criadas para prejudicar o andamento de estudos da Funai para identificação de terras indígenas da etnia Guarani Kaiowá. Sem citar nomes, Márcio Meira disse que algumas pessoas de má-fé também estariam aproveitando o momento eleitoral para tumultuar ainda mais a discussão sobre o assunto.

 

Com informações da Agência Brasil

Leia Também