Quarta, 24 de Janeiro de 2018

Presidente da CPI diz que Enersul tem que devolver dinheiro à vista e em dobro

8 ABR 2008Por 14h:36
     

A batalha em defesa dos consumidores atendidos pelos serviços da Enersul não chegou ao fim, segundo o deputado estadual Marquinhos Trad (PMDB). Um recurso administrativo será apresentado contra a decisão da Aneel que prevê a devolução de R$ 191 milhões em 36 vezes.

 

        Durante o período em que ocupou a tribuna, na sessão ordinária de hoje (8), Marquinhos Trad enfatizou não estar satisfeito com a decisão. Todavia, acrescentou que tal fato "não pode e não deve ofuscar os trabalhos da CPI". Afinal, cerca de 15% já foram reduzidos nas contas de energia de Mato Grosso do Sul, números que garantem o 13º lugar do Brasil em tarifa energética.

         

        "Fomos lesados por mais de dez anos e se não fosse o trabalho desta Casa, continuaríamos ocupando o vergonhoso 1º lugar, a conta mais cara do País", revelou indignado o deputado.

Leia Também