domingo, 22 de julho de 2018

Presas tentam fuga e são transferidas de Nova Andradina

18 ABR 2008Por 08h:53
     

 

 

Após a descoberta de um buraco feito na parede, ontem (17) à tarde, que separa as celas femininas e a ala de menores da Cadeia Pública de Nova Andradina, o delegado Rinaldo Gomes Moreira solicitou a transferência de quatro detentas para o Presídio Feminino de Bataguassu. São elas, Marilene Cabral da Silva (tráfico de drogas), Irene Harte Mota dos Santos (tráfico), Ivete Santos Pereira (furtos e roubos) e Elizângela Lemes de Souza (tráfico).

O buraco foi descoberto durante uma fiscalização de rotina na cela. Não houve fuga de detentas. A transferência e escolta foram realizadas por policiais civis de Nova Andradina.

Leia Também