Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Mandado de prisão

Presa mulher acusada de agredir e coagir testemunha

26 DEZ 13 - 10h:13PCMS

Policiais civis do Serviço de Investigações Gerais (SIG) da 1ª Delegacia de Jardim prenderam na última terça-feira (24) Marinete Alvarenga Lopes (33) em cumprimento a mandado de prisão. Net, como é conhecida, é acusada de coagir testemunhas no curso do processo e por lesão corporal dolosa.

A autoridade policial assim que soube que Net não somente ameaçou como também agrediu uma testemunha de um inquérito policial que investiga tráfico de drogas, representou pela prisão preventiva da acusada. O pedido foi deferido.

A investigação resultou na prisão em flagrante de Leurin Rodrigues Cruz, genro de Marinete, no último dia 19, em Jardim.

Denúncias podem ser feitas através do telefone da Primeira Delegacia de Polícia de Jardim, no número (67) 3251-1793.  

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

PRIVATIZAÇÃO

Meta do governo é fazer de 40 a 44 licitações em 2020, diz ministro

VAZIO DE PODER

Senadora da oposição declara-se presidente da Bolívia

Simone diz que presidente do Senado se comprometeu a pautar 2ª instância após CCJ
RESPOSTA AO SUPREMO

Simone diz que Alcolumbre se comprometeu a pautar 2ª instância após CCJ

Integrante de quadrilha que movimentou milhões em cocaína é condenado
OPERAÇÃO NEVADA

Integrante de quadrilha que movimentou milhões em cocaína é condenado

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião