Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Prêmio internacional dará R$ 600 mil para empresa mais inovadora

23 FEV 14 - 16h:45folhapress

A Qualcomm Incorporated, por meio da Qualcomm Ventures, realizará este ano a quarta edição do prêmio QPrize, competição internacional de start-ups (empresas iniciantes de base tecnológica).

O objetivo é identificar e financiar start-ups promissoras. Podem participar empreendedores da China, Europa, Índia, Israel, Coréia, América Latina e América do Norte.

Sete finalistas (um de cada região) receberão US$ 100 mil (aproximadamente R$ 238 mil) em financiamento conversível como investimento de risco e um convite para competir com outros finalistas regionais na grande final.

O vencedor da etapa final da competição receberá mais US$ 150 mil (aproximadamente R$ 357 mil), totalizando US$ 250 mil ao final (aproximadamente R$ 595 mil).

"A competição QPrize nos permite conhecer empresas iniciantes em regiões-chave de todo o mundo e a financiar a próxima geração de inovadores", afirma Nagraj Kashyap, vice-presidente sênior da Qualcomm Ventures.

O prazo para a apresentação dos planos de negócios é 18 abril de 2014.

A Qualcomm Ventures selecionará até oito finalistas de cada uma das sete regiões. Eles participarão de uma competição regional, e cada empresa será avaliada por um painel de especialistas.

Os critérios serão inovação tecnológica, potencial de mercado, capacidade de gestão da empresa e probabilidade de alcançar as projeções financeiras apresentadas.  

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Fortaleza: Bombeiros buscam sobreviventes em prédio que ruiu; uma pessoa morreu

ECONOMIA

Pan, BMG e Bradesco lideram ranking de reclamações contra bancos do BC

ECONOMIA

Superintendência do Cade decide arquivar inquérito contra bandeiras de cartões

BRASIL

Quadrilha desviava cartões de crédito remetidos pelos Correios

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião