Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

serviço público

Prefeitura vai rever contrato com a Águas Guariroba

20 JAN 14 - 00h:00DA REDAÇÃO

A diretora-presidente da Agência de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Campo Grande (Agereg), Ritva Vieira, afirmou que o contrato de prestação de serviços da empresa Águas Guariroba será revisto neste ano. A informação é do jornal Correio do Estado.

A diretora admitiu que os contratos a longo prazo “sempre têm irregularidades” e precisam de adequações. Ao ser questionada sobre quais seriam as falhas identificadas na concessão com a Águas Guariroba, ela fez mistério e respondeu apenas que era “suspense”.

O valor das taxas e multas cobradas pelo serviço de água e esgoto na Capital, está entre as principais queixas dos moradores. Na próxima segunda-feira. 27, o campo-grandense vai pagar 5,58% mais caro na conta de água.

Segundo a publicação, no início de 2013, a titular da Agereg já havia garantido rever o contrato, mas a medida acabou sendo adiada para 2014, sem data prevista. No dia 8 de janeiro deste ano, ela voltou a comentar o assunto.

“Optamos por suspender a tabela que tinha reajustado os serviços, mantendo a anterior, mais benéfica para os usuários, e neste ano vamos promover as alterações necessárias, revendo o contrato”, explicou. A reportagem é assinada por Rafael Bueno e Paula Vitorino.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Caixa financiará agricultura em Mato Grosso do Sul
AGRO

Caixa financiará agricultura em Mato Grosso do Sul

Investimentos em saneamento básico chegarão a R$400 milhões no Estado
CONTRATO MILIONÁRIO

Investimentos em saneamento básico chegarão a R$400 milhões no Estado

DIFAMAÇÃO E INJÚRIA

Desembargador suspende ação
contra Haddad movida por Edir Macedo

Corumbá completa 241 anos <br> com show de Michel Teló
CIDADE BRANCA

Corumbá completa 241 anos
com show de Michel Teló

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião