segunda, 23 de julho de 2018

DOIS ANOS

Prefeitura reabre praça inacabada em Dourados

7 DEZ 2010Por FABIO DORTA/DOURADOS20h:16

Depois de mais de dois anos fechada e com as obras ainda inacabadas a Praça Antonio João na Avenida Marcelino Pires no centro de Dourados foi reaberta ontem (7) ao público. O cronograma era da realização de três etapas, a primeira que custou R$ 300 mil de recursos próprios da prefeitura foi entregue ainda na gestão do ex-prefeito Laerte Tetila (PT).

A segunda etapa, com recursos federais de R$ 500 mil foi iniciada ainda na gestão de Tetila e teve continuidade no início da gestão de Ari Artuzi (sem partido) que renunciou ao mandato na semana passada. A prefeita interina Délia Razuk (PMDB) determinou que a praça fosse aberta à utilização da população, mas sem todas as obras concluídas.

O problema está na terceira etapa do projeto, ainda sem previsão de ser concluído. Cerca de R$ 730 mil de recursos federais estão parados na Caixa Econômica Federal (CEF) por causa de problemas burocráticos nos contratos assinados entre a Prefeitura Municipal e a empresa responsável pelos serviços.

A praça foi reaberta sem que estejam prontas benfeitorias importantes como a fonte luminosa e a concha acústica (para a realização de shows), nem a instalação das tendas multiuso projetadas para a realização de eventos e feiras. Também não foram feitas ainda a nova iluminação, nem as obras de paisagismo.

Leia Também