Campo Grande - MS, terça, 21 de agosto de 2018

Prefeitura gastará cerca de R$ 15,5 milhões com Indy em São Paulo

28 ABR 2011Por Gazeta Esportiva13h:43

O circuito de rua armado na região do Sambódromo do Anhembi recebe a Fórmula Indy pelo segundo ano consecutivo neste final de semana. De acordo com Gilberto Kassab, prefeito de São Paulo, o investimento da Prefeitura para abrigar o evento em 2011 será de aproximadamente R$ 15,5 milhões.

Segundo Kassab, serão gastos R$ 4,5 milhões na montagem e desmontagem da estrutura da corrida. Os R$ 11 milhões restantes foram investidos em obras como recapeamento da pista e correção de problemas de drenagem observados durante a corrida do ano passado.

"O recapeamento e a correção dos problemas de drenagem ficarão como legado para a cidade. Essas obras de infra-estrutura serão cada vez menores. Com o tempo (10 anos de contrato), vamos corrigindo os problemas e ficaremos apenas com o recapeamento", disse o prefeito na entrevista oficial realizada na manhã desta quinta-feira, no Anhembi.

Ao falar sobre os gastos da prefeitura, Kassab pediu a intervenção de Caio de Carvalho, presidente da SPTuris, a empresa de turismo e eventos da cidade de São Paulo. Segundo ele, no ano passado a prova gerou um lucro de R$ 80 milhões, uma renda equivalente a 5 mil empregos durante um ano.

"A maior riqueza de São Paulo é o entretenimento. Em 2011, a Fórmula Indy está com um impacto muito maior que o do ano passado. Os agentes de viagem já estão criando pacotes turísticos para a prova na cidade. Em 2010, foram R$ 80 milhões de lucro. Podem falar que esperavam R$ 130 milhões, mas foram R$ 80 milhões muito bem vindos", disse.

Caio de Carvalho ainda citou o peso da Fórmula Indy nos Estados Unidos. De acordo com o presidente da SPTuris, a exposição de São Paulo no mercado norte-americano através da corrida beneficia a cidade na medida em que se trata da que mais recebe turistas do país no Brasil.

"Os eventos são a praia dessa cidade. Precisamos aplaudir e ser mais tolerantes com os eventos em São Paulo, porque são eles que movimentam a econômica local e ajudam muita gente", disse Carvalho. Ele citou a Organização Mundial do Turismo e garantiu que cada dólar investido em eventos deste porte gera seis dólares.

Atualmente, São Paulo conta com cerca de 25 eventos classificados como de grande porte pela prefeitura. O objetivo anunciado por Kassab para os próximos anos é aumentar o número para 55. "A Fórmula Indy contribuiu com o atendimento dessa meta", encerrou o prefeito.
 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também